ZTOP+ZUMO (tech, opinião, inteligência)

Backup da sua música – e rápido

iTunes backupEu precisava fazer backup do meu PC em casa – vou formatar o disco e, quem sabe, instalar o Vista durante o feriado. Comecei pelos meus 21 GB de música (composto por quase todos meus CDs de áudio ripados). Como fazer? A primeira idéia foi criar discos de dados pelo iTunes, mas seria chato e complicado.

Acabei descobrindo que o próprio iTunes faz backup completo da sua biblioteca: basta ter um gravador de DVD e muitos discos sobrando.

Tudo que precisei fazer foi ir ao menu File e selecionar a opção Back up to disc. Depois, apareceu a tela acima e meu trabalho foi colocar atrás de disco até o fim do processo, que levou mais ou menos uma hora. Simples e básico. Achei que seriam 5 DVDs de 4,7 GB, mas o iTunes pediu… seis (!) e gravou quatro (!!!) músicas no último disco. OK, pelo menos o backup da música está garantido. Para restaurar, diz o iTunes, basta inserir o primeiro disco e o programa faz o resto sozinho.

Resumo da história: meus 200 e poucos CDs couberam em meros 6 DVDs. 

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin

  • Átila

    Show! Tava precisando fazer isso agora, por causa do Mac! 😀

    Vou fazer no feriado. Obrigado pela dica, Henrique! 😉

  • Não tenho muito…

    No meu PC: 120 GB 80 GB
    No PC do meu marido: 160 GB x 3.
    No 3º PC (dados pessoais): 40 GB 20 GB 80 GB
    Cartão: 1 GB x 2
    Pen Drive: 2 GB

    Total 824 GB (se ainda sei fazer conta sem calculadora…. :p)

  • Henrique, anote esta também, pra complementar a solução do becape.

    Depois que copiei todas as minhas m̼sicas para o Mac, eu precisava copiar as Playlists (tenho umas 30, e seria um saco refazer todas na ṃo). Acabei encontrando a solṳ̣o Рṇo tanto intuitiva, pra dizer a verdade Рna Ajuda do programa.

    Basta ir em File > Export Library. O arquivo exportado é um XML. Ao importar esse arquivo no iTunes, ele recria todas as Playlists do iTunes “velho”. Problema resolvido.

    Muito prático, mas nada intuitivo mesmo. Melhor seria por clicar com o botão direito sobre todas as playlists e gerar um arquivo com os dados das selecionadas. No entanto, atualmente nem mesmo é possível selecionar múltiplas playlists.

    Abraço!