ZTOP+ZUMO

Números enormes: Asus Zenbook UX302

Da série “ultrabooks podem ser realmente bonitos”, a Asus mostra hoje seu Zenbook UX302, modelo com tampa protegida em vidro que chega às lojas em novembro. É uma máquina importada cheia de superlativos, assim como seu preço.

O Zenbook UX302 apareceu pela primeira vez na Computex 2013, em junho, e depois na IFA, em Berlim.

O notebook ultrafino tem algo muito difícil de descrever (ou mostrar em fotos de divulgação): sua tampa traseira é protegida por uma camada de Gorilla Glass (que ajuda a evitar arranhões). Junto ao acabamento metálico em azul, o vidro gera um efeito bastante diferente (e bonito pacas).

ASUS Zenbook UX302 - 1

Nas configurações, processador Intel Core i5 4200-U de quarta geração (“Haswell”),  até 8 GB de RAM, nada de disco óptico, 500 GB de HD com 16 GB de cache SSD, placa de vídeo Intel HD Graphics 4400 integrada, Wi-Fi 802.11ac e tela IPS de 13,3 polegadas Full HD sensível ao toque.

Vale lembrar que a Asus é um dos poucos fabricantes a oferecer máquinas com Haswell no mercado local: concorrentes como Positivo e Samsung prometem só para o final do ano ou só 2014 (aparentemente a situação da Samsung em notebooks não anda muito bem, mas informações do Digitimes devem ser levadas em consideração com uma boa dose de ceticismo).

ASUS Zenbook UX302 - 2

E é estupidamente fino: mede 32,5 x 22,6 x 1,72 cm e pesa só 1,45 kg. Vem com Windows 8, de acordo com a subsidiária brasileira da ASUS. Seu preço sugerido inicial é de R$ 6.999. 

ASUS Zenbook UX302 - 3

Mas se você acha o UX302 caro/lindo/incrível, calma:

Uma versão mais poderosa do UX302, chamada Asus Zenbook UX301, também será lançada por aqui, com opções de Intel Core i5/i7, 128/256 GB de SSD,  vídeo Intel Iris, a partir de 4 GB de RAM e telas IPS de 13,3″ com resolução Full HD (1920 x 1080) ou WQHD (2560 x 1440). 

Além da versão azul, o UX301 virá em branco também:

zenbook ux301 - 640

 

O Zenbook UX301 será vendido pelo preço sugerido inicial de R$ 7.999 na configuração mais básica (e R$9.999 na mais avançada).

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin