ZTOP+ZUMO (tech, opinião, inteligência)

AMD: olá, Trinity

A AMD, ainda sem novo CEO, anunciou hoje os processadores Série A “Llano” para desktops e notebooks e que vão bater de frente com os Intel Sandy Bridge. Até aí, tudo bem. Mas o pessoal de Sunnyvale aproveitou para dar uma prévia muito rápida da próxima geração de processadores, codinome “Trinity”, prevista para lançamento no final de 2011.

Nada de muitos detalhes técnicos, só uma demo de vídeo em 1080p, e um belo notebook na mão de Rick Bergman, vice-presidente sênior e diretor geral da AMD, durante o keynote de abertura do AMD Fusion Developer Summit 2011. Nada como um pornografia nerd (softcore), certo?

Falando em números, a AMD citou que o “Llano” é um supercomputador. O Trinity terá pelo menos 50% a mais de poder de processamento em gigaflops e que, em 2020, as APUS terão até 10 teraflops de processamento. Algo, nas palavras de Bergman, similar a um supercomputador para simular explosões nucleares  criado em 2001.

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin