ZTOP

CCE: Ultrabook com Ivy Bridge e um “similar” com Atom

CCE_Ultrabook_Atom

Passando pelo stand da CCE na Eletrolar 2012, vimos pela primeira vem em cores e ao vivo o Ultrabook da casa — o modelo F7 — equipado com tela LCD-LED de 14″, e uma outra surpresa inspirada em Cupertino…

A boa notícia é que na sua versão mais avançada, o F7 já vem equipado com processador Core i7 3517U “Ultra”  de 1,9 GHz (c0m turbo de 2,4 GHz) 4 GB de RAM, disco rígido convencional “híbrido” de 500 GB acelerado com um SSD de 32 GB e Windows 7 Home Premium de 64 bits e preço (estimado) para o consumidor final na faixa dos R$ 2.400 (update: é o UltrabookX, do teste cego sem marca que a CCE anda fazendo por aí em alguns sites).

Segundo a CCE, ela também terá versões equipadas com processadores Core i3 e i5 (chamados modelos F3 e F5), porém baseados na plataforma Huron River com processador Sandy Bridge (Core ix de segunda geração).

O F7 ainda vem equipado com um gravador de DVD, item por sinal ainda muito apreciado pelo consumidor final.

E no lado oposto vemos o slot para cartão SD, saída de som/mic, porta HDMI, duas USB 3.0 e uma porta de rede padrão Ethernet (yaaay!)

Esta por sinal utiliza uma curiosa solução onde sua “boca” se abre como numa mandíbula, permitindo assim conectar o cabo de rede. Tá, já tínhamos visto algo semelhante no eee-PC Seashell 1015 PEM da Asus.

Interessante notar que esse computador já estava com uma versão do (Release Preview) Windows 8:

E seu índice de experiência bateu 4,6 pontos:

Porém, o que realmente me chamou a atenção foi um pequeno notebook com tela de 11 polegadas que estava do lado F7 . Apesar das aparências, ela não tinha o selo de identificação do Ultrabook:

De fato, não se trata da nova plataforma da Intel e sim de  um mini-notebook — modelo Slimbook L31S — que segundo a CCE,  vem equipado com “processador Intel Dual Core”, 2 GB de RAM, 320 GB de disco e Windows 7 Starter. Além do prata, ele também virá na opção rosa.

O seu gabinete é todo em alumínio e  vem equipado com um leitor de cartão e duas portas USB no lado esquerdo…

… e uma porta de rede, HDMI e som do outro:

Interessante notar que apesar da fabricante divulgar o portátil como um computador equipado com processador “Intel Dual Core”…

… trata-se de um Atom N2600 “Pineview”de 1,6 GHz, processador dual core com HT (= quatro threads):

Segundo a CCE, o público-alvo desse produto é o mesmo que hoje compra um netbook com Atom e para isso, seu preço sugerido deve ficar na mesma faixa de preço ou seja, abaixo dos R$ 1.000.

Como naquela propaganda da Net, agora você também pode ter um tipo Ultrabook. :-)

 

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.