ZTOP

Tecnologia na Copa 2010: galeria de fotos

No fim do jogo, um passeio pelo Moses Mabida Stadium

O que faz um nerd num estádio de futebol? Se for um jogo de Copa do Mundo, com Brasil enfrentando Portugal numa partida fraquinha, tira fotos e faz vídeos, claro. O estádio Moses Mabida, em Durban, estava cheio de câmeras, fotógrafos e recursos high-tech para ninguém perder nenhum lance – mesmo com um jogo ruinzinho como o que vi. Pelo menos deu pra prestar atenção em outras coisas.

Veja na galeria de fotos e no vídeo a seguir.

Primeiro, a coisa mais legal tecnológica no estádio: a câmera voadora. Ela chega a até uns 3 metros da grama (pelo que deu para notar) e fica presa em uma roldana com quatro fios, parecendo uma grande aranha que passeia suspensa pelo campo.


(link para o vídeo. cuidado, contém vuvuzelas!)

Finalmente, as fotos:

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin

  • monica

    kaka o grande fenomeno da copa 2014!!!

  • http://www.twitter.com/fabforte Fabiano

    Essa câmera-aranha é legal, mas dá um medo de que ela vai cair…

  • dflopes

    e se a bola bate na camera-aranha, o juiz pede replay para voltar o lance?

    Henrique, o que significa o ättendance" no outdoor?

    E essas objetivas fantásticas… deve ser o preço do meu carro usado (US$8.000)

    • http://intensedebate.com/people/henriquem henriquem

      o attendance é o número de pessoas no estádio naquele dia (62 mil e poucas)

  • Cristovao-ITZ-MA

    Show de Tecnologia…

  • Pingback: Tweets that mention Zumo Blog: Tecnologia. Opinião. Inteligência. » Tecnologia na Copa 2010: galeria de fotos -- Topsy.com

  • diego

    nenhuma 'musa da copa'?

    • http://www.zumo.com.br Henrique Martin

      não era jogo do paraguai :)

  • newton

    como é identificada a câmera que filma nas laterais do campo? e qual o seu princípio de sustentação?

  • Pingback: Zumo: um resumo de 2010 | zumo