ZTOP

Números enormes: os novos SSD Sata da Sandisk

Batizado de SSD Extreme, o novo disco da Sandisk estará disponível inicialmente nas versões de 120 GB e 240 GB com preços sugeridos a partir de R$ 799.

A Sandisk anunciou u ma nova linha de discos SSD batizada de Extreme, cujo principal atrativo já vir equipado com tecnologia SATA 3.0 (ou SATA 600), uma interface cada vez mais presente no mercado e que aos poucos deve substituir o bom e velho SATA 2.0 (ou SATA 300).

O novo modelo é capaz de realizar 83.000 IOPS (operações de I/O por Segundo) aleatórias e no modo sequencial ele pode ler até 550 MB/s e gravar em até 520 MB/s. Segundo a fabricante, isso é até 10 vezes mais rápido do que um disco rígido de 7,200 rpm. Para um upgrade de computador, pode ser uma opção interessante, já que com novo disco é  possível iniciar um computador em menos de 16 segundos e também desligar o sistema mais rápido.

Fora isso, o SanDisk Extreme pode executar aplicativos numa fração de tempo e reduzir a espera na mudança de cenários/fases proporcionando assim uma melhor experiência de uso para usuários médios e entusiastas.

Um dia antes deste anúncio aqui no Brasil, conversei por telefone com Kent Perry, diretor de marketing de produtos da Sandisk, sobre a nova linha de discos SSD.

Segundo o executivo, uma das grandes vantagens dos seus produtos é que eles fabricam seus próprios chips de memória flash. No caso dos SSDs, a SanDisk têm uma parceria com a LSI, que fornece a tecnologia do controlador de memória. Isso de um certo modo permite que a fabricante possa oferecer 36 meses de garantia para seus SSDs, bem mais que os 12 atualmente oferecido pelos fabricantes de HDs convencionais.

Quando questionado por que os seus discos estão sendo oferecidos nas versões de 120 GB, 240 GB e 480 GB em vez de números mais tradicionais como 128 GB, 256 GB e 512 GB a resposta foi que, no caso do Extreme, eles adotam o sistema de contagem decimal no lugar do sistema binário.

Com relação ao posicionamento da sua linha de produtos ele afirma que a nova linha Extreme será mais voltada para aqueles que desejam ter um produto que ofereça o máximo desempenho possível. Já aqueles que preferem uma solução mais em conta, a empresa continuará a oferecer a linha de discos SSD Ultra, equipadas com SATA 300.

Mais informações aqui.

 

 

 

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.