ZTOP

Sony Vaio F: 3D com óculos ativos (e tem produto pra classe C em breve)

O Sony Vaio F (modelo VPC-F215FB) é o primeiro notebook 3D da fabricante japonesa e chega às lojas na próxima semana. O modelo faz parte da linha nova de notebooks da Sony, agora com processadores Intel Core (“Sandy Bridge”) – e custa mais caro que um Apple MacBook Pro de 17″: seu preço sugerido é de R$ 9.999 (contra R$ 9.199 do MacBook).

As especificações técnicas do Vaio F impressionam: processador Intel Core i7 de 2 GHz, 6 GB de RAM, 750 GB de disco rígido, placa de vídeo NVidia GeForce GT 540 M com 1 GB de memória, duas portas USB 3.0 (e uma 2.0), saída HDMI, gravador/leitor de Blu-Ray, tela de 16″ full HD. O sistema operacional utilizado é o Windows 7 Home Premium de 64 bits.

O design da máquina (que pesa 3,2 kg) tem um formato diferente – a tela é mais grossa e com a borda menor que a base do notebook – como se cada parte da máquina fosse um trapézio. À primeira vista, gera um efeito estranho, mas fica bonito para deixar em cima da mesa (afinal, não é um notebook pra ficar carregando por aí).

E um botão 3D no teclado converte conteúdo 2D em 3D instantaneamente.Os óculos 3D são os mesmos das TVs Bravia, e o Vaio F vem com um par apenas.

Mas, porém, todavia, entretanto, o Vaio F não foi a única estrelinha da festa. Nos produtos, a série Vaio C (a ultracolorida) chega pelo preço sugerido de R$ 3.499 (modelo VPC-CA15, nos berrantes verde, laranja e no sóbrio preto) e a série Vaio S (VPC-SB15), ultraleve (1,7 kg, tela de 13″) também sai pelo mesmo preço. E a Sony falou em… classe C.

Sério – e isso é um comentário sem ironia (achamos ótimo mais gente ter acesso a mais PCs e tal). Glauco Rozner, gerente de marketing sênior da linha Vaio, afirmou que a Sony tem interesse em explorar esse novo público crescente (e comprador) ainda este ano. O executivo não deu detalhes nem citou possíveis produtos mais “pop” da Sony (convenhamos, R$ 3.499 por um notebook, ainda que lindo, é um belo investimento, certo? A máquina atual mais barata da Sony, o Vaio Y, custa R$ 1.799) e que no segundo semestre os planos serão anunciados – sem, claro, garantir que tais itens terão a qualidade/performance/design da marca, com “preço acessível”. A conferir.

 

 

 

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin

Próximo post:

Post anterior: