ZTOP

Review: Lenovo ThinkPad T400s

T400S_intro

Como parte da Zumo-campanha de colocar nossos reviews em dia, publicamos hoje a análise do ThinkPad T400s — o novo modelo mainstream da Lenovo para o mercado corporativo e que sucede a linha T61. Mais do que um simples upgrade de hardware, a Lenovo mantém sua tradição de promover melhorias interessantes no do produto sem comprometer sua identidade visual.

Seguindo a nomenclatura iniciada com o ThinkPad X300, o T400s é o novo modelo mainstream (série T) com tela de 14″ e que substitui a linha T61. O interessante é saber que esse modelo com sufixo “s” (de “slim”) também informa que esse modelo difere do modelo T400 “padrão. Até Podemos dizer que os T400/T500 continuam a ser os cavalos de batalha da empresa — mais voltados para produtividade/desempenho — enquanto o T400s é o modelo esportivo, ligeriamente mais leve, fino e voltado para mobilidade.

Tivemo acesso ao modelo 2815-23P que veio equipado com um processador Intel Core 2 Duo SP9600 de 2,53 GHz, 3 GB de SDRAM DDR3 1667 MHz, 250 GB de disco, tela LCD wide com retroiluminação a LED de 14,1″ e resolução nativa de 1.440 x 900 pixels LCD, aceleradora gráfica Intel 4500 MHD, gravador de DVD, Wi-Fi 802.11/agn wireless, bluetooth, porta de rede Gigabit Ethernet, chip de segurança, leitor biométrico, webcam de 2 MP, bateria recarregável de 6 células e Windows Vista Business 32 com direito de upgrade para Windows 7. O sistema ostenta o selo Centrino 2 com tecnologia vPro. Fechado ele mede 33,7 x 2,5 x 24,1 cm (LxAxP) e 1,77 kg de peso.

T400S_Centrino2

Se comparado com o ThinkPad T61p com tela de 15″ algumas mudanças do T400s ficam mais evidentes, já que ele sai do tradicional formato caixa adotando um visual com mais cortes e frente “reabaixada”. Note como a nova tela com retrolimuninação a LED resulta numa tela bem mais fina que o T61 que ainda usa lâmpada fluorescente.

T400S_perfil_comparado_small

Fica muito evidente que T400s compartilha muito do DNA do X300: muitas das características do Kodachi estão presentes nesse novo portátil, como seu desenho de perfil baixo, a posição da trava do teclado (que passou da tela para a base do teclado), as dobradiças em metal aparente, o LED do botão de Caps Lock, etc.

T400S_overview_small

Isso porém não tira o mérito de que o T400s traz suas própria inovações (e que não são poucas, diga-se de passagem) — em especial o seu novo teclado — cujo layout foi bastante discutido com os usuários de ThinkPad no blog da empresa:

T400S_teclado_small

À primeira vista, o novo teclado não mudou muito. As sete carreiras de botões ainda estão ali, assim como o layout do teclado padrão ABNT-2, a tecla Enter na cor azul e as linhas vermelhas sobre as teclas de ação do TrackPoint (yay!). As mudanças praticamente se concentram na parte de cima do teclado, onde podemos ver, por exemplo o aumento da tela Esc que agora ocupa a altura de duas teclas. As teclas de controle de som também ficaram maiores e agora são iluminados e além da conveniente tecla que desliga o som, o portátil também conta com um controle semelhante para o microfone, que ganhou mais importância com a popularização das webcams e sistemas de videoconferência. Note também o novo ícone da antena dentro de um quadrado que pode ser usado tanto para o atual padrão bluetooth quanto o novo wireless USB.

T400S_teclado_esc_func_smalla

Assim com o Esc, a tecla Delete recebeu um upgrade de tamanho, ocupando agora o espaço que era da tecla Insert, que foi fazer companhia para o grupo PrtSc, ScrLk e Pause.

T400S_teclado_del_small

Essas mudanças são resultado de uma pesquisa os designers da Lenovo que reavaliaram a relevância da função de cada botão do teclado (como o “@” depois da invenção do email) e descobriu-se um envolvimento até emocional dos usuários com as teclas Esc e Del, merecendo assim maior destaque no novo teclado. Se você curte papo cabeça, leia mais sobre isso aqui.  Outro exemplo curioso que reflete o sinal desses tempos modernos é uma nova tecla de atalho específica para fazer chamadas de VoiP:

T400s_voip

Como usuário de TrackPoint eu nunca dei muita bola pro touchpad do ThinkPad, mas desta vez esse dispositivo também passou por uma grande reforma — ficando 27% maior que o seu antecessor —  e recebeu uma nova textura na forma de micropontos em relevo que, de um certo modo, dá uma certa agilidade no seu uso, já que o usuário tem condições de encontrar esse sensor apenas com o tato e as bolinhas proporcionam — ou pelo menos passam a impressão — de maior precisão nos movimentos, em especial nesse caso, já que o mesmo também aceita alguns comandos multitoque como rolagem de tela, zoom e rotação de imagens.

T400S_teclado_touchpad_small

Como não tinha que deixar de ser, o tradicional iluminador de teclado ThinkLight ainda está presente no T400s agora montado num recesso ao lado da sua webcam de 2 megapixels. Note o array de microfones estéreo motado um de cada lado da câmera o que facilita o uso das aplicações de VoIP e videoconferência.

T400S_trava_webcam_light_small

Como a bateria do T400s fica embaixo do portátil, diversos conectores sairam das laterais e foram para a parte de trás do portátil, numa posição na minha opinião mais cômoda e que de um certo modo até atrapalhava o usuário.

T400S_back_small

Do lado esquerdo podemos ver a entrada da fonte de alimentação de 20 volts (a mesma usada nas linhas X60/X61/X300/T60/T61, etc.)  e a tradicional porta SVGA ainda muito popular no mercado.

T400S_back_left_small

No outro canto podemos ver a porta de rede Gigabit Ethernet, uma porta USB Powered, uma segunda porta eSATA + USB combo e DisplayPort (vídeo digital). Note que o cooler do irradiador de calor é feito de alumínio. Isso porque como o processador do T400s (um Intel Core 2 Duo SP9600) não esquenta muito, não é necessário utilizar condutores térmicos mais eficientes como cobre.

T400S_back_right_small

Assim as laterais do T400s ficou bem mais limpo. Por exemplo na lateral direita apenas a chave que liga/desliga a interface Wi-Fi (que finalmente deixou de se esconder em algum canto estranho do note), seu gravador de DVD e slot para trava de segurança padrão Kensington.

T400S_lado_direito_small

Do outro lado podemos ver a saída de ar do cooler, mais uma porta USB 2.0 a saída de som que agora também integra a entrada do microfone (VoIP anyone?) e o slot para cartão ExpressCard /34. Dependendo da versão esse recurso pode ser substituído por um leitor de cartões de memória 5-em-1. Mas nesse caso — entre ficar com um ou com outro — a melhor solução pode estar na aquisição de um leitor de cartões de memória Flash na forma de cartão ExpressCard.

Note a formação de hectoplasma que flagramos nno interior do portátil (fenômeno que também vimos no Dell Adamo) o que reforça a minha teoria de que esses portáteis leves e finos utilizam tecnologia do outro mundo (calma pessoal, brincadeirinha…)

T400S_lado_esquerdo_small

Como era de se esperar de um portátil para uso corporativo, o T400s já vem com conector para docking station e boa parte de seus parafusos e outras aberturas estão devidamente identificadas (o meu favorito é o dreno de saída de líquidos) o que facilita a sua manutenção. Como todos os produtos da casa a Lenovo permite que o usuário mexa no seu hardware permitindo até a troca e upgrade de alguns componentes como discos e/ou pentes de memória sem comprometer sua garantia de 3 anos para peças e mão de obra (uia!).

T400S_base_geral_small

Além do sistema eletrônico ativo que protege o HD no caso de uma queda, os T400s ainda conta com um sistema de proteção extra na forma de um curioso pezinho cuja parte interna possui um segundo pezinho com amortecedor que absorve o primeiro impacto antes que a parte externa receba o resto do choque.

T400S_pe_airbag

Em nome da economia de espaço a trava e o ejetor da baia de periféricos saiu da lateral e também foi para a base:

T400S_baia

Assim como o X300 o compartimento da bateria está na parte da frente do portátil. A bateria de íons de lítio que acompanhou o produto é um modelo de 6 células de 11,1 volts x 3,9 Ah (P/N 42T4690). Note que as baterias para o T400 não são compatíveis com o T400s.

T400S_bateria_small

O slot para cartão GSM-SIM fica escondido no compartimento da bateria e também segue o mesmo desenho do X300. Observe porém que a existência dessa abertura não significa que o T400s já venha com modem 3G e sim que ele já está preparado para receber qualquer tipo de cartão Wireless WAN, bastando apenas abrir o produto e instalar o modem adequado.

T400S_slot_SIM_small

Outro item que também fica dentro do compartimento da bateria é o parafuso que fixa a porta do compartimento do disco rígido.

T400S_HD_parafuso_small

Acho isso uma grande sacada já que isso obriga que o usuário remova a bateria antes de mexer no disco.

T400S_compart_HD_small

Para mim taí a maior surpresa desse produto: ao invés do tradicional disco de 2,5″ o T400s vem equipado com um disco rígido Micro-SATA de 1,8″ (uia!)

T400S_micro_HD_small

O modelo que acompanhou esse disco é um Hitachi MK2529GSG de 250 GB e 5.400 rpm. Segundo o site da Lenovo ele pode ser substituído por um modelo convencional de 120 GB ou mesmo um SSD de 64 ate 160 GB, além de um modelo SSD de 256 GB com FDE (Full Disk Encryption).

T400S_HD_comparado_small

É obvio que a escolha desse disco tem a ver com a economia de espaço e a evolução da tecnologia. Entretanto, ainda sou fã dos modelos de 2,5″ pela facilidade de encontrar esse tipo de disco no nosso mercado.

No compartimento dos bancos de memória podemos ver dois slots para pentes padrão SO-DIMM DDR3 1.067 MHz  (máximo 4 GB) e um pequeno cartão Intel WiFi Link 5100 802.11/agn. Podemos ver que também existe um espaço reservado para mais um cartão de rede Wireless WAN (3G?). Basta parafusar o cartão e ligar os fios das antenas.

T400S_memo_wifi_small

Sob testes

Como os testes foram realizados antes do lançamento oficial do Windows 7 ainda rodamos nossos benchmarks com o Windows Vista Ultimate de 32 bits. Depois de reconfigurado demos uma olhada no índice de experiência do Windows Vista que, como era de se esperar seu desempenho gráfico não é nada que salte aos olhos mas atende plenamente ao seu público alvo que vai passar mais tempo trabalhando do que jogando.

T400S_Vista_Exp

De qualquer modo, a nova aceleradora gráfica GMA 4500MHD do chipset GS45 “Cantiga” me parece ser uma boa evolução se comparado com o X3100 do G945. Vale a pena lembrar que uma das novidades da plataforma Centrino 2 “Montevina” é seu melhor suporte para vídeo em alta definição 1080p, reprodução de blu-ray e DisplayPort. Isso pôde ser visto nos testes com o HDxPRT que deu pontuação máxima no Play HD Experience (5 estrelas):

T400s_HDxPRT_small

Nos outros testes, o T400s bateu 115  pontos no Sysmark 2007 Preview 1.05 5.209 pontos no PCMark 2005, e 3.417 no PCMark Vantage, 11.177 pontos no 3DMark 2006, 1.036 pontos no 3DMark Vantage e no AutoGK 2.45, o ThinkPad levou aproximadamente 1h14m29s para transformar um filme em DVD para um arquivo AVI de 700 MB. O processo oposto (criar uma imagem de DVD a partir de um arquivo de vídeo)  feito com o DVDFlick 1.3.0.6 foi de 2h21m43s utilizando um thread e 1h42m34s com quatro Threads. Nos testes de autonomia com o Battery-(comedor de farinha)-Eater o sistema funcionou em média — a plena carga — por 01h05m02s.

Ah sim, e atendendo aos pedidos do David Lopes, segue os testes com o Super Pi:

T400s_SuperPi

Como produto em si — como sempre — fiquei muito impressionado com o ThinkPad T400s. Apesar de alguns não gostarem do seu visual quadradinho e pretinho básico, eu sempre me impressiono  com a preocupação dos designers da empresa com os pequenos detalhes que sempre priorizam o conforto e a facilidade de uso do que somente a estética per se. Sob esse ponto de vista o T400s tenta melhorar o que muitos já achavam bom o que é um esforço bastante notável, diga-se de passagem.

Entretanto um dos grandes atrativos dos ThinkPads sempre foi a flexibilidade e versatiliade da sua plataforma. Sob esse ponto de vista, o T400s para ficar mais leve e fino abriu mão de certos recursos que os usuários podem nem usar mas gostam de ter à sua disposição como modem, porta Firewire e até o slot para cartão de memória Flash que, no nosso caso pode estar disponível se o usuário abrir mão do slot para cartão ExpressCard. Sua bateria de seis células também nos pareceu um recurso limitado, principalmente se levarmos em consideração que aparentemente, o T400s não dispõe de baterias de maior capacidade.

De qualquer modo, na minha opinião na média o T400s oferece mais vantagens do que limitações, de modo que acredito que esse portátil é uma interessante adição para a linha ThinkPad se colocando como uma alternativa para o próprio X301.

Resumo: Lenovo ThinkPad T400s
O que é isso? Notebook de uso geral voltado para uso corporativo.
O que é legal? Leve e fino, construção sólida, plataforma moderna.
O que é imoral? Bateria não é seu forte. Não vem com slot para cartão SD/MS.
O que mais? Já preparado para wireless Lan. 3 anos de garantia para peças e mão de obra (1 para a bateria).
Avaliação: 8,5 (de 10). Entenda nosso novo sistema de avaliação.
Preço sugerido: R$ 6.870
Onde encontrar: www.lenovo.com.br


bom coloco esse preço só pra cumprir tabela e depois vc

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.

  • "pesquisa os designers da IBM" Quem é IBM? 🙂 É a empresa responsável pelo ectoplasma será?

    Boa análise Nagano.
    Talvez o uso de uma HD 1,8'' tenha sido influenciado por um excesso deles no estoque da Toshiba (o Hitachi é o 2,5'', se não me engano só a Toshiba e Samsung produzem HDs 1,8), o mercado deles que eram os PMP foi tomado por memória Flash.

    Tô curioso pra ver a reação dos ThinkFanáticos ao suposto ThinkPad X100 com formato arredondado e processadores AMD (e teclado diferente)…
    … Hmm, e cadê o Saldão? Tinha acabado de aproveitar uma promoção de headset Sennheiser e queria comprar mais :p

    • Ops, falha nossa. É q minha catequização ainda foi feita por um evangelista da IBM.

      Pelo que sei o site da Lenovo está passando por uma reformulação que deve entrar no ar em breve. Vai mudar muita coisa mas o saldão continua. :o)

  • Pingback: Tweets that mention Zumo Blog: Tecnologia. Opinião. Inteligência. » Review: Lenovo ThinkPad T400s -- Topsy.com()

  • Pingback: TecNews: Noticias Tecnofagia()

  • kristiang

    a 2 anos uso um TP61 cedido pela empresa que trabalho. É o melhor notebook que já tive, melhor que Apple e Vaio, muito robusto e bem acabado. Gostei tanto da marca que para uso pessoal comprei um Lenovo G530, que não é um ThinkPad, mas nao tem o preço (alto) de um TP 🙂

  • dflopes

    achei caro pelo que oferece, apesar da tela LED

    Hd de 1,8" é dificil de achar, não tem leitor de cartão e usa display port… Pq não colocar uma hdmi simples????

    Mas para mercado corporativos, lenovo e dell são imbatíveis

  • Guilherme

    A Lenovo parece não estar interessada em vendas. Natal chegando, nada, ou quase nada, disponível no site. Ofertão da quartas acabou… enfim, para quem eles fazem computadores?
    Abs.

  • Pingback: Review: Lenovo Thinkpad X1 (Parte 1 de 3: introdução)()