ZTOP

Resumão da E3: o que a Microsoft mostrou?

A Microsoft não está para brincadeira. Ele apresentou, com muita pompa e circunstância, uma tonelada de novidades na E3.  A mais aguardada era o Projeto Natal, que foi rebatizado como Kinect.

O termo é a união das palavras Kinetic, cinético, e connect. Esperta, a Microsoft não só conseguiu guardar segredo sobre o novo nome como também teve uma boa sacada.

Ainda não há previsão de preço do acessório, que reúne duas câmeras que dão ao aparelho visão estereoscópica e uma infravermelha, que permite que o aparelho consiga determinar com precisão a distância do jogador. A rede americana de lojas Gamestop listou o Kinect com preço de US$ 150 na pré-venda, mas a Microsoft desmentiu o preço, dizendo que o acessório, que será lançado mundialmente em novembro, ainda não tem seu preço definido.

Vamos fingir que a Microsoft, empresa conhecida pelos bem amarrados projetos e estratégias de vendas, não definiu o preço de sua maior aposta do ano… e que essa negativa em relação ao preço não tenha nada a ver com o anúncio da Sony do preço do concorrente Move por US$ 50. Só fingir, é claro.

O Kinect utiliza um fonte de energia (necessária para os modelos antigos de Xbox 360) e é conectado via USB.

Diferente da Apple, que não consegue guardar segredos industriais, a Microsoft manteve a sete chaves um novo modelo de xbox 360, menor e mais bonito.

Por US$ 300, o aparelho trará 250 GB de HD, Wi-Fi 802.11 n embutido (que custava US$ 100 comprado como acessório) e capacidade de energizar o Kinect. O antigo Xbox 360, que é totalmente compatível com o Kinect, será descontinuado.

O novo Xbox 360 trará saída óptica de áudio embutida no aparelho e saída HDMI nativa, que não estava presente nos modelos mais antigos.

Além disso, o novo Xbox 360 não trará as temidas luzes vermelhas da morte. Agora, quando tudo der errado, o pobre jogador verá um círculo verde. Maldade, pois os problemas de hardware do Xbox 360 ficaram uma ou duas gerações para trás…

A mudança no Xbox 360 coloca o console da Microsoft em pé de igualdade tanto em preço quanto funcionalidades com o PlayStation 3. Até mesmo o redesenho se parece um pouco com o que a Sony fez e que ajudou a salvar o PS3 da extinção. Para a Sony, as vendas subiram de forma explosiva depois do redesenho e de uma saudável redução de preço.

A maior surpresa da Microsoft foi o anúncio do serviço Xbox Live no Brasil. Depois de 4 anos de Xbox 360 no mercado, finalmente o consumidor brasileiro poderá acessar, de forma oficial e com garantia local de suporte técnico, o serviço mais bacana do Xbox 360.

Até hoje, só quem tivesse muita disposição, cartão de crédito internacional e entendesse inglês conseguia usar o serviço online que é a pérola do Xbox 360.

Até o fim do ano o serviço será liberado para quem quiser no Brasil. Ainda não se falou em preço, portabilidade da assinatura para quem já tem o serviço na rede americana ou mesmo se todo o conteúdo pago será disponibilizado. Mas é um avanço brutal.

Claro, sempre tem um ou outro jogador xiita que reclama que a Microsoft é careira, que o console custa uma fábula… mas o pessoal tem memória curta. Quando saiu (e na época que nenhum outro fabricante dava bola para o Brasil), o console já chegou a custar quase 3 vezes do que custa hoje. É caro ainda? Ô. Mas a culpa é de quem não protesta contra a política tributária insana do Brasil, que penaliza setores que poderia ajudar, como no caso dos games, e massacra outros setores produtivos por não elevar a carga tributária, como no caso dos textêis, sapatos e outros produtos feitos por aqui. Bom, mas isso é história para outro post.

Se o Kinect vai pegar ou se o redesenho do console vai aumentar as vendas só o tempo dirá. Uma preocupação é de que o Kinect não funcione com o jogador sentado. Mas até agora, é mera especulação. Uma coisa é certa: a Nintendo abriu uma caixa de pandora com o wii. Agora,  todos os fabricantes tem uma solução de controle baseado em movimentos tridimensionais. Resta saber se é isso que vai vender consoles.

  • Pingback: Tweets that mention Zumo Blog: Tecnologia. Opinião. Inteligência. » Resumão da E3: o que a Microsoft mostrou? -- Topsy.com()

  • Rafael Noguerol

    Esta errado "Xbox 350" NÃO MOSTRARA AS TRES LUZES VERMELHAS FAVOR ARUMAR.

  • Cesar

    Parece bem intereçante a proposta da M$, mas quanto tempo durá essa geração de um harwere lançado a 5 anos atras!…….so as vendas dirão mesmo! seja no PS3 e no Kinect.

  • dflopes

    Essa geração está prevista para durar 10 anos (ou mais). Vide o PS2 que apresentou God of War como o ápice do console aos 9 anos de idade.

    Essas máquinas ainda tem muito a apresentar pois os desenvolvedores ainda estão a aprender como programar e sugar o máximo do console, como exemplo, MS lançou o primor de Alan Wake e a Sony veio com Heavy Rain. Além do Jogo do Ano (GOTY 2010) com Uncharted2.

    São ótimas propostas, ao mudar o foco do jogo para a interface (igual a minority report), mas:
    a) acho que a MS tem um enorme gargalo ao não adotar o Blu-ray. God Of War3 e Heavy Rain (que citei anteriormente) tem ±40Gb (é muito DVD pra trocar)
    b) esses controles "diferentes" (kinetic e move) não apresentaram jogos interessantes. Apenas os joguinhos casuais a la nintendo. PAra quem gosta de jogar, o controle tradicional é insubstituível
    c) o Kinectic tem um delay visivel. Espero que a versão final ele seja minimizado

    E acho que a MS podia permitir um uso mais liberado do console. Não estou falando de pirataria, mas usar qualquer pen drive, hd externo, teclado usb ou headset bluetooth no aparelho, como a sony já deixa usarmos. Assim, vc pode usar o que tem em casa e não se preocupar em gastar fortunas com produtos exclusivos.

    E aguardo o resumo da sony e nintendo.

    • Opa, o resumão das outras grandes está na agulha.

      O Xbox 360 já pode usar pendrives de até 16 GB. A compatibilidade é recente, mas mostrou um belo avanço ao maldito HD proprietário.

    • Ah, quanto ao uso do Blu-ray, a mídia é boa mesmo, tem espaço de sobra, mas é uma desgraça no acesso randômico de dados. A Sony encoraja os estúdios a entupir o disco com dados mais para justificar a adoção do Blu-ray. Dá perfeitamente para comprimir os dados de texturas, por exemplo, e descomprimí-los em tempo real. E o mesmo se aplica aos vídeos, que tem um bitrate muito alto, que dá um verdadeiro choque visual depois quando os gráficos do jogo aparecem. Poucos jogos do PS3 são feitos para reprodução a 1.080p, o que, para um console com Blu-ray, é desperdício puro.
      A tecnologia de descompressão inclusive já está embutida no chip gráfico dos consoles, e é coisa que a ATI faz desde 1997 com suas placas de vídeo.
      É um saco trocar DVDs? Sim, é. Mas foi acertada a decisão da Microsoft (e da Nintendo) ao adotar uma mídia disseminada, de custo inferior e com bom acesso randômico a dados.
      Outra coisa importante: quando o Xbox 360 foi lançado, só Deus sabia qual formato de alta definição, HD-DVD ou Blu-ray, iria emplacar. A Microsoft tentou, acreditou no HD-DVD, formato que pessoalmente considero superior, mas o mercado ditou suas regras e a "mão invisível" dos estúdios de cinema (que tem uns dois dedos da Sony) se agarrou no Blu-ray.
      Provavelmente o próximo console da Microsoft, se ainda usar mídias físicas, vai vir com compatibilidade com Blu-ray.

      • dflopes

        bem lembrado, Jo.

        Jogos 1080p no ps3 são raros. E isso chega a ser rididulo para um console com Bluray e toda aquela cavalaria em processadores!

        E para terem adotado o Bluray, não seriam 8 dedos da sony? heheheeh

        • A Sony realmente forçou a barra, mas arranjou uma turma forte para encarar a briga.

  • Eu sei que ela conseguiu: assim que sair em terra brasilis, vou comprar um. 🙂

  • O Xbox 360 sempre me agradou muito, Mesmo não jogando todo dia. Mas ainda, ainda prefiro o Wii com controles de movimentos tridimensionais.

  • felipe

    o xbox 360 arcade vai ser compativel com o kinect

  • Matem.o.cesar.com

    Esse tal de Cesar precisa de umas aulinhas de língua portuguesa.
    Interessante com Ç foi de doer!!!

  • eudenovo

    admin. se voces nao quiserem postar meu comentario, pelo menos vai servir pra darem risada. hahaha