ZTOP

Números enormes: os sensores de 41 e 20 megapixels da Nokia

OK, a Nokia se gaba que inova nas câmeras dos seus aparelhos. Ontem, deu para ver de perto como são os módulos de imagem do Lumia 1020 e do novo foblet Lumia 1520 – e descobrir algo muito bacana que virá em 2014 para os smartphones da marca com tecnologia Pureview.

 

Os módulos da câmera estavam expostos pelo pessoal da Carl Zeiss. O representante da empresa me disse que um módulo desses leva de 1 a 2 anos para ser desenvolvido, dependendo muito da tecnologia utilizada.

De qualquer modo, o aprendizado e inovação de uma câmera é levado adiante e aprimorado na próxima. Esta é a câmera do Lumia 1020, desmontada pedaço por pedaço. Note que a segunda foto da fileira superior mostra o sensor de 41 megapixels já com um frame retangular (para o recorte de 34/38 megapixels, dependendo do formato da imagem).

WP_20131022_16_43_08_Pro E como isso funciona? É que neste caso, para tirar máximo proveito da largura do sensor é necessário abrir mão da altura e vice-versa resultando assim em duas resoluções máximas: 7.152 x 5.368 pixels (= 38 megapixels) no formato 4:3 0u 7.728 x 4.354 (= 34 megapixels) no formato 16:9. Essa idéia em si não é nova e já foi adotada no passado pela Panasonic na sua linha de câmeras Lumix LX3/LX5. Nokia808_image_sensor_small   E esta é a do Lumia 1520, de 20 megapixels. O sensor está na parte inferior esquerda da imagem e é relativamente menor em comparação ao do 1020. WP_20131022_16_43_23_Pro O mais curioso é entender como esse módulo aparentemente grande cabe dentro do aparelho. Pior que dá certo. WP_20131022_16_43_38_Pro Ao lado do pessoal da Carl Zeiss a Nokia fez algumas demos de novas tecnologias de câmera a serem incorporadas na próxima atualização de software para os Lumia, chamada Lumia Black, e que sai em algum momento do começo de 2014. A mais importante, no meu ponto de vista, se chama Refocus: a capacidade de tirar uma foto e refazer o foco dela depois do clique (estilo câmera Lytro, só que nos aparelhos com Pureview). Segundo a Nokia, as imagens também poderão ficar todas no foco (!) e vai dar para, com um toque na tela, trocar cores, por exemplo – e compartilhar “sem foco” no Facebook (!!!). Os exemplos abaixo eu tirei do site Refocus, da Nokia:

Captura de Tela 2013-10-23 às 1.06.50 AM Captura de Tela 2013-10-23 às 1.07.03 AM

Captura de Tela 2013-10-23 às 1.10.07 AM Captura de Tela 2013-10-23 às 1.10.17 AM

 É impressionante.

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin