ZTOP

Nokia encolhe o N97

Nokia-N97_mini_Cherryblack2_lowres

Seguindo a estranha lógica dos piratas de celulares que criam versões miniatura de produtos oficiais, a Nokia encolheu seu aparelho topo de linha N97 ao anunciar hoje no Nokia World o N97 Mini. Só faltava essa confirmação para o evento, já que os outros lançamentos – Booklet 3G, que vai custar 575 euros (!) e N900 – foram divulgados na semana passada (a única novidade em aparelhos na abertura do evento foi o X6, tema para outro post).

Basicamente é o mesmo design, em versão menor: 113 x 52,5 x 14,2 mm e 138 gramas contra 117,2 x 55,3 x 15,9 mm e 150 gramas do N97-pai e uma tela de 3,2″ no mini contra 3,5″ no original. Veja os dois lado a lado nesse vídeo:

Demais especificações: 3G, Wi-Fi, Bluetooth, câmera de 5 megapixels com lente Carl Zeiss Tessar, captura de vídeo VGA a 30 quadros por segundo, A-GPS, microUSB, conector 3,5 mm para fone de ouvido e menos armazenamento interno: 8 GB internos (contra 32 GB no N97 “grande”), expansível com cartões de memória.

O N97 mini virá com o Lifecasting for Ovi, aplicativo que se integra ao velho e bom Facebook. Roda Symbian S60 5a. edição.

O N97 mini sai lá fora em outubro pelo preço sugerido de 450 euros.

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin

  • Alexandre

    Por que “estranha lógica” dos piratas de celulares? Não entendi…

  • Walter Mercado

    Tem os HiPhone mini e nano também se procurar bem…

  • Também existe a linha “NOKlA” ( L no lugar do i) como o Nokla E81,

    disponível na versão candybar:

    http://www.dealextreme.com/details.dx/sku.20328

    ou Smartphone:

    http://www.itechnews.net/2009/08/16/nokla-e81-qwerty-phone/

    E pra quem prefere um modelo touchscreen, tem o incrível N83 Genérico (isto é, sem marca):

    http://www.dealextreme.com/details.dx/sku.21885

    Fico imaginando a cara dos Finlandeses quando eles vêem essas coisas.

    [ ]s

    M.

  • Acredito que o lançamento da versão mini do N97 se deva mais pelo intuito de vender uma versão mais barata no N97, que custa uma bagatela do que propriamente concorrer com versões xingiling.

  • Alexandre

    Ok, gente, eu sei que os piratas reproduzem esses aparelhos em versões mini. O que não entendi foi o adjetivo “estranha” que acompanha a palavra lógica. Por que seria estranha? Não é justamente lógico que se busque produzir (ou copiar) aparelhos cada vez menores? Essa é minha dúvida.

    • @alexandre ironia, ironia. e menor nem sempre é melhor, certo?

  • Dam

    concordo com vc alexandre, mas algumas grandes empresas não conseguem criar aparelhos cada vez menores … !!! então para elas o uso do futuro da tecnologia mini é soa “estranho” rsrsrs …

  • lucas jardim

    POderia atualizar o post com fotos de perfil das 2 versões do n97 juntas só para termos idéia de quando mudou (ou não) o aparelho.

  • Rodirley

    E nessa historia, onde entra o 5800, seria o mini tao melhor, porem sem tanta diferenca de preco??? Sendo entao o 5800 uma belo erro ja que o mini pode ser melhor com um preco muito parecido??

  • ueliton alves

    Que falta de criatividade!

  • Vitor J. Nunes

    Caro Henrique, boa tarde.
    Perdoe-me, mas, onde entra a obsolescência do 5800?

    • @vitorjn pelo fato de já ser um aparelho antigo e que tem outros melhores a caminho ou já lançados?

  • Gilmar

    Não compreendo o porque da NOKIA não produzir celulares pra dois chips, enquanto os piratas vão tomando espaço. Será que os celulares piratas são realmente de fabricas clandestinas? Sei não às vezes fico em dúvida!!!

    • Vilmar

      Os aparelhos nokia ultimamente estão vindo com muitos problemas(reiniciando, problemas de hardware, desligando sozinho) – muitos mesmo,coloque no google "problemas n97" por exemplo, , o que nos leva a supor que a nokia esta fazendo seus aparelhos na china, na mesma fabrica dos piratas. Isso faz sentido, quando vemos que os piratas tem praticamente o mesmo material dos originais, exceto o software.
      Além disso, reforçando a minha lógica, por exemplo, na china não se fabricam celulares que permitam tirar fotos sem som , e isso é o caso de novos aparelhos como 5530, 5800 etc, vc só tira fotos com som…
      Além disso, o touchscreen desses aparelhos são resistivos, visto que na china utilizam-se muito dessas telas, devido seus caracteres dos seus idiomas serem complexos e se tornam mais facil de digitar com a caneta stylys, algo impossivel numa tela capacitiva.
      Não me surpreende se a Nokia fixer isso, infelizmente que paga é o cliente que terá um aparelho defeituoso, e que consequentemente perde a confiança no lider mundial de celulares.
      Se é que ela ainda pode se chamar assim…
      Ainda a tempo…

  • Pingback: Zumo Blog: Tecnologia. Opinião. Inteligência. » N97 mini: abrindo a caixa()

  • Pingback: Zumo Blog: Tecnologia. Opinião. Inteligência. » Zumo: Top 10 posts de 2009()