ZTOP

Música no celular, parte 1: Samsung

Depois do lançamento do serviço Comes With Music, quase um ano atrás, a Nokia ficou sozinha até dezembro, quando a Sony Ericsson anunciou sua estratégia PlayNow Plus – presente, por enquanto, no aparelho W508. Agora é a vez da Samsung também abrir sua lojinha de músicas online, sem DRM (yay!).

Bati um papo hoje com Hamilton Yoshida, diretor de marketing da área de telecom da empresa, que também falou um pouco do Bada, nova plataforma para smartphones criada pela Samsung.

Principais tópicos a seguir.

Por que abrir uma loja de músicas: “A Samsung não tem intenção de vender músicas apenas. Seu negócio é vender eletroeletrônicos, e o consumidor quer um produto mais complexo. Celular não é mais só para falar, o modo de interagir com o aparelho mudou. Alguns anos atrás, o telefone vinha com músicas exclusivas de um CD, hoje vem com filmes, e o comprador quer ter liberdade de escolher o que quer ouvir. Logo, a loja é o complemento de uma estratégia que inclui vídeos, jogos e aplicativos”, explica Yoshida.

Qual a diferença dos concorrentes? “É a única que você baixa arquivos sem DRM, com maior liberdade”.

E sem o DRM o dono de um celular não fica tentado a comprar na sua loja? “Pode acontecer, mas vamos privilegiar o usuário de um aparelho Samsung. Temos o Fun Club (que vende wallpapers, ringtones, games) , na web e em site wap, e no seu cadastro você indica qual aparelho tem. Vamos fazer promoções para potencializar a compra em nossos aparelhos também, você adquire um aparelho e pode baixar um determinado número de músicas grátis”.

Quem é o comprador de música no celular? “Existe uma percepção geral que usuário de smartphone quer apenas e-mail, produtividade. Isso mudou um pouco, ele quer outros aplicativos também. Em uma pesquisa que fizemos, existe um interesse por música por 60% dos donos de outros aparelhos que não são smartphones, um mercado emergente – e os smarts são mais caros também. E, claro, existe uma procura por aplicativos”

Aproveitando a deixa, como está a loja de aplicativos no Brasil? “O lançamento oficial foi agora em fevereiro, apenas para Windows Mobile, nos aparelhos Omnia II e Lite. É algo que vai crescer também, vai para Android, Bada e outras plataformas. No fim das contas, o usuário nem sabe o sistema operacional, quer que funcione”.

E o Wave com Bada, quando chega por aqui? “Em breve. Está programado para o segundo trimestre na Europa e o lançamento oficial deve ser nesse mesmo período no Brasil. Antes disso, vamos falar com os desenvolvedores, o Brasil vai ser o primeiro país da América Latina a ter um programa assim, queremos 50 países na lista até o final de 2010.”

Notas do autor: 1) o iMusica toma conta do conteúdo (e burocracias contratuais com as gravadoras) para a loja da Samsung. 2) estou testando o W508 da Sony Ericsson – e pedi a eles um papo também pra entender o que é esse PlayNow Plus.

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin

  • Eu já queria um Samsung, agora mais ainda. Agora só esperar chegar nos Android e Bada!!! (ainda não decidi)

  • Pingback: TecNews: Noticias Tecnofagia()

  • vai existir algum aparelho que ofereça um serviço semelhante como o 5800 e o "ComesWithMusic"? Tipo, comprou tal aparelho e ganha algum período de download gratuito e ilimitado?

  • dflopes

    desculpe, mas samsung e "suporte ao consumidor" são palavras que não combinam.

    a) Tenho um c/ Symbian, mas não tem app store para a plataforma (nem android, bada), apenas WM (como mencionado na entrevista)
    b) não oferece update de SO para seus aparelhos (muitos smartphone c/ WM tiveram upgrade de WM5 p/ WM6)
    c) fun club???? não consigo nem rir de tão ridículo o serviço!!!

    Só estou com esse symbian por causa de um bom preço (e para testar a plataforma), mas já vi que desse mato não sai nem formiga! É melhor voltar para o WM ou seguir para android