ZTOP

Monitore terremotos no MacBook

A idéia pode parecer até estranha, mas não deixa de ser genial.

software-iseismograph.jpgPesquisadores em parceria com o NEESit (Network for Earthquake Engineering Simulation Cyberinfrastructure Center) criaram um aplicativo de código aberto batizado de iSeismograph (algo como iSismógrafo em português), que utiliza o sensor de movimento presente em todos os MacBooks com chips Intel e da webcam iSight para monitorar abalos sí­smicos, coletar dados e transmití­-los pela internet.

Criado originalmente para proteger o disco rí­gido contra danos causados por movimentos bruscos, o sensor de movimento (também chamado de acelerômetro) usado pela Apple é bastante sensí­vel aos três eixos de movimento (X,Y,Z), o que torna o MacBook um sensor de abalos por natureza. A webcam é usada para registrar os fenômenos em ví­deo, o que pode até gerar uma renda extra em programas jornalí­sticos ou de videocassetadas.

Outra vantagem sobre os sismógrafos tradicionais é que os MacBooks são relativamente leves e compactos, podem funcionar com bateria e se comunicar por conexões sem fio, além de serem facilmente adquiridos por um preço razoável em qualquer loja de computador de roça (pelo menos nos EUA).

Fora isso – entre uma tremedeira e outra – o MacBook pode ser usado para coisas mais mundanas, como trocar mensagens, escrever relatórios, brincar e até navegar na web.

O iSeismograph pode ser baixado gratuitamente no site do NEESit e os dados coletados podem ser repassados e compartilhados na própria agência. Bastando apenas abrir uma conta de usuário aqui.

Trí­via:

Apesar dos ThinkPads também virem equipados com acelerômetros, eles não funcionariam com esse sistema porque, até onde eu saiba, seu sensor de movimento só funciona em dois eixos. O motivo alegado é que desse modo, a sensação de movimento é mais precisa mas não a da sua direção.

Henrique faz um adendo: Nagano, o software pode ser pra Mac, mas os caras instalaram Windows no MacBook, pelo que diz a sua telinha acima 😉

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.

  • Terence

    Acho que desenvolveram o software para Windows – mas que só funciona no MacBook por conta do acelerômetro.

  • Mac é simplesmente demais, sem comentários. há um programa que se chama LiquidMac, que simula como se houvesse água dentro do mac a medida que você o movimenta, parece um aquário, muito legal.

  • Mareso

    A Apple é simplesmente dmais!!!! Um dia os usuários de pc vao entender isso!