ZTOP

Macworld? Vá para o Futuro(.vc)

Depois da esbórnia de gadgets da CES 2008, amanhã começa mais uma edição da Macworld.

O Rigues prometeu escrever algo sobre o tema, mas… o amigo Marcelo Nóbrega está lá no frio de San Francisco e tem maiores detalhes sobre o possí­vel próximo hype de Steve Jobs (minhas apostas: notebook ultraportátil – sem Wi-Max -, iPhone 3G, nova Apple TV).

Então, para mais informações sobre a feira, o discurso de Jobs e o próximo objeto de desejo com menos recursos que qualquer concorrente, mas mais bonitinho e que irá causar filas quilométricas nas Apple Store norte-americanas (e cadê a tal brasileira?), vá ao Futuro.vc. E continuamos com nossa programação normal.

Rigues comenta: Ups, é verdade. Bom, o notebook ultraportátil é a grande aposta. Há banners gigantescos pendurados pelo saguão do Moscone Center com a frase “There’s Something in the air” (Há algo no ar), o que indica algum novo produto, mas não dá muitas dicas sobre o que.

Todos especulam sobre um “MacBook Air”, um ultraportátil com tela de 12 ou 13 polegadas, ultrafino (menos de 2,5 cm) e pesando menos de 1,3 kg. A máquina teria um disco SSD de 32 GB em lugar do HD tradicional, e o drive óptico seria externo/opcional. Parece bom, mas o preço de um SSD de 32 GB (US$ 999, segundo o Google) preocupa. Entretanto, a Apple pode conseguir um desconto significativo junto aos fabricantes, já que já compra terabytes de memória flash para o iPod Shuffle, iPod Nano, iPhone e iPod Touch. Outra alternativa seria o uso de um disco rí­gido de 1,8 polegadas, como o usado no iPod Classic.

Quanto ao iPhone 3G… sei não. Acho muito difí­cil a Apple fazer uma mudança tão grande com apenas 6 meses de produto no mercado. Que vai haver um iPhone 3G, disso não há dúvidas, mas eu não esperaria um lançamento para antes de junho. O que com certeza vai aparecer é o firmware 1.1.3 para o iPhone, junto com pelo menos uma demonstração do kit de desenvolvimento (SDK) oficial que a Apple prometeu para fevereiro, junto com uma demo dos primeiros aplicativos oficiais.

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin