ZTOP

Números enormes: LG G6 chega ao Brasil

A LG anunciou hoje a chegada do seu smartphone topo de linha LG G6 ao mercado brasileiro. É uma correção de rota na estratégia dos coreanos, que apostaram em um aparelho modular no ano passado e erraram o alvo.

Os módulos, chamados de “amigos“, foram embora,  e o G5 modular (e ainda com processador mais lento na versão brasileira) é coisa do passado (motivo principal do G5 não dar certo: a Motorola fez direito um aparelho modular com o Moto Z). Do G5, só sobraram a câmera dupla na traseira do smartphone e o leitor de impressões digitais.

Nagano comenta: Taí uma coisa que sempre me impressionou nessas empresas coreanas. Se ela lança um produto e o dito cujo não deu (ou não dá mais) certo, a empresa não tem nenhuma pena de matar o produto, fazer de conta que não é comigo e bola pra frente!

Por exemplo, alguém ainda se lembra que a Samsung já fabricou câmeras digitais, DSLMs e lentes?

Se de um lado isso ajuda a manter a empresa “lean and mean” — ou seja, dinâmica, determinada e inovadora — do outro isso pode passar a impressão de que ela não dá muita bola para o consumidor que, muitas vezes confia na marca como parte de sua estratégia de consumo de médio e longo prazo.

E o G6, à primeira vista, é promissor. Leve, com bastante área de visualização (mas ainda mantendo as poucas bordas laterais). Parece menor do que é. Gostei bastante, é uma evolução gigantesca em relação ao fiasco do ano passado.

A LG esticou a tela, na mesma estratégia utilizada pela Samsung nos Galaxy S8.

Aqui, a proporção é 18:9, com resolução QHD+ (2880 x 1440 / 564ppi), perfeita para dividir a tela em dois quadrados (faz sentido!) em um display de 5,7 polegadas. É quase do mesmo tamanho do Galaxy S8 (que consegue ser 3,8 mm mais estreito).

Dimensões comparáveis:

Turma de 2017:

  • LG G6: 148,9 x 71,9 x 7,9 mm, em uma tela de 5,7″
  • Samsung Galaxy S8: 148,9 x 68,1 x 8 mm, tela de 5,8″
  • Samsung Galaxy S8+: 159,5 x 73,4 x 8,1 mm, tela de 6,2″

Turma de 2016:

  • Samsung Galaxy S7 edge: 150,9 x 72,6 x 7,7 mm, tela de 5,5″
  • iPhone 7: 138,3 x 67,1 x 7,1 mm, tela de 4,7″
  • iPhone 7+: 158,2 x 77,9 x 7,3 mm, tela de 5,5

Nas demais especificações técnicas, o LG G6 vem com processador Qualcomm Snapdragon 821 (um modelo de 2016, e não o mais novo Snapdragon 835, presente apenas por enquanto no Galaxy S8 norte-americano e no Xiaomi Mi 6), 4 GB de RAM, 32 ou 64 GB de armazenamento interno (até 2 TB no cartão microSD), bateria de 3.230 mAH com carga rápida (Quick Charge 3.0)  e roda Android 7.0 Nougat com interface LG UX 6.0. Tem conector pra fone de ouvido (yay!) e usa o padrão USB-C.

As câmeras traseiras têm resolução de 13 megapixels, sendo uma grande-angular (F/2.4) e uma padrão (F/1.8). A câmera frontal tem 5 megapixels de resolução. O LG G6 virá nas cores Astro Black (que atrai marcas de dedos como um ímã) e Ice Platinum (o mais bonito dos dois) e é protegido contra água/poeira (IP68). A versão em branco não será lançada no Brasil em um primeiro momento.

Aqui, a câmera com a lente grande-angular (oi Nick!)

E aqui com a “padrão”, que dá um efeito de zoom óptico.

Curiosamente, o G6 vem com Google Assistant integrado ao sistema. Segundo a LG, o ajudante (que já fala português) se integra “de forma direta e intuitiva” aos apps da LG, “ajudando a ter respostas rápidas, gerenciar tarefas diárias, ouvir música e buscar itens no G6”.  Se funcionar direito em português, já é um belo cutucão no Bixby, o não-assistente virtual do Samsung Galaxy S8.

Segundo a LG Brasil, o G6 começa a ser vendido a partir de amanhã (26/04) pelo preço sugerido de R$ 3.999 (versão com 32 GB de armazenamento; é o mesmo preço sugerido do Galaxy S8 com 64 GB e tela de 5,8″). Eu, particularmente, esperava um preço um pouco menor por conta do processador Snapdragon de 2016.

[LG]

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin

  • evefavretto

    Desculpa aí, mas quem chama de 18:9 faltou na aula de matemática(e cai no bullshitês™ de marketing). É 2:1.

    • Henrique Martin

      sou de humanas, dsclp 😛

      • evefavretto

        HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA

    • ditom

      Interessante que vendo as fotos a impressão é que o G6 tem mais altura que o dobro da largura…
      Ilusão de óptica?

  • O software da câmera continua progredindo, porém me decepciona o retrocesso no hardware.
    O G6 usa sensores que não são novos, são menores, medianos, ao contrário de algo mais “top”, o que limita a qualidade dos resultados. Também abandonou o sensor RGB e com ele a LG “tocou o foda-se forte” para o modo automático. É incrível como ele captura imagens que parecem vindas de um planeta alienígena, o modo manual não é opção, é obrigação para ter fotos decentes.
    Só “não é melhor” que o S8 por isso IMO.