ZTOP

Hands-on: HTC Ultimate

O HTC Ultimate é… grande! O novo aparelho, o primeiro com Windows Phone 7.5 a ser lançado por aqui, começa a chegar às lojas da Vivo esta semana e tem como principais pontos fortes a interface limpa e organizada e a forte integração com serviços da Microsoft (leia mais sobre o aparelho).

Aproveitei pra falar com Lee Itner, vice-presidente para América Latina da HTC, sobre a situação da empresa no Brasil. No cargo há quatro meses apenas, ele é responsável pelas operações na região, que estavam um tanto fora do ar nos últimos dois anos.

Vale lembrar que a HTC, após lançamento de vários produtos no mercado brasileiro entre 2007-2008 (quase todos com o temido e dinossáurico Windows Mobile), sumiu do mapa após o lançamento do HTC Magic (um dos primeiros Androids a chegar por aqui). A fabricante terceirizada da HTC no Brasil, a Celestica, fechou as portas em 2009.

E desde então só haviam lançado mais um aparelho após o Magic, um Android básico chamado Desire A, em março, um tanto na surdina. No lançamento dos tablets da fabricante, em fevereiro, durante o Mobile World Congress, perguntei para o pessoal de relações públicas da empresa sobre como estava o Brasil – não tive resposta.

Itner, porém, foi bem enfático ao dizer que a direção da HTC considera o mercado latino-americano e, principalmente, o brasileiro, como prioridade. O lançamento do Ultimate é apenas o primeiro passo em relação a isso – querem estar entre os três maiores vendedores de smartphones no Brasil. Na promessa do executivo, pelo menos, novos aparelhos serão lançados logo pela HTC por aqui, seguindo o que já vem ocorrendo no México. A conferir, claro – e torcer para a volta da fabricação local em 2012.

Uma galeria de fotos gigante para mostrar os principais detalhes do smartphone.

Começando pela tela de bloqueio:

O menu principal com os blocos/tiles da interface Metro do Windows Phone (tudo personalizável, claro):

Versão com o fundo em preto:

O gerenciador de tarefas (pressione o primeiro botão à esquerda, o de “voltar”, para iniciar essa tela):

E a lista de apps em ordem alfabética:

Tem ainda uma lista de apps da própria HTC (incluindo o Hub, uma central de serviços):

A busca é movida a Bing, incluindo busca visual (yay!):

E o tocador de música estilo-Zune:

Agora, o hardware. Atrás, a câmera de 8 megapixels – a HTC diz que a lente é grande-angular de 28 mm com abertura f/2.2 e com foco automático – o que promete fotos bem iluminadas sem flash (tem um LED aí, caso necessário).

Apesar do tamanho grande da tela, o Ultimate é bastante fino – 9,9 milímetros. Aqui, o controle de volume e disparador da câmera.

Do outro, o conector microUSB.

E, em cima, o conector 3,5 mm e o botão liga/desliga.

A trava na parte inferior…

Libera a tampa traseira, mostrando a câmera e a bateria de 1.600 MAh.

É grande? Pra caramba, pelo menos ao lado do iPhone 3GS, de “apenas” 3,5 polegadas de tela.

Aproveitei para ver algumas funções do aparelho nas configurações:

Como a configuração de rede

E me surpreendi com o serviço de localização, item mais que necessário em notebooks e smartphones nos dias de hoje.

Já pedi para a HTC uma unidade de testes do Ultimate. Assim que chegar, publico o review completo.

 

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin

  • Pingback: ZTOP » HTC lança Ultimate, primeiro Windows Phone brasileiro()

  • Ely

    Eu não gostei desse visual do WP7 não..

    Cara, as bordas desse iPhone estão uma beleza, hem! hahaha

    • henriquem

      pensa que o 3GS é um aparelho de 2 gerações atrás…

      • Saulo Benigno

        E ainda assim melhor que muita coisa por aí, aposto que desse HTC.
        Isso me deixa triste.

        • Eu dei uma olhada nesse celular na VIVO e achei mto animal. Apesar do tamanho, ele é incrivelmente leve, e é muito rápido! Eu estou no aguardo do iPhone 4S, mas sei não hein.. Talvez pegue esse HTC.

  • Perguntas:

    Mapas – o Bing mapas vai ter navegação offline por aqui e alguma integração social, como acontece na gringa?

    Zune – o Zune vai funcionar-efetivamente? Se sim, isso vai ter integração com conta da xbox live e também no zune para o pc?

    Se as respostas forem não, é só "por enquanto o focaremos na rede e depois em serviços" como na live nacional?
    Mas notei agora, após escrever tudo isso, que quem fez a apresentação foi a HTC, então não tinha ninguém da dona Microsoft por lá pra falar sobre tudo isso aí?

    E o mais importante: Esperar o N800 "sea rey" e manter meu amor pela finlandesa que voltou da reabilitação ou largar tudo para construir uma nova relação com uma oriental americanizada e quente?

    Grato! 😛

    • henriquem

      bing mapas = nao sei sobre offline (prometeram aparelho pra semana q. vem), mas prometem integração crescente com Bing-Brasil – sim, tava cheio de gente Microsoft lá.
      sobre zune, nao falaram nada tb. searay? acho que o Ultimate já tá na loja, esse nokia so em 2012… (chute)

      • Tão dizendo que o Nokia só chega (se chegar) nos tempos de carnaval. Tentarei usar um desses no fim de semana na loja Vivo mais próxima (Alô galera do Tamboré) pra ver se rola o amor, mas não devo comprar por agora, de qualquer forma.

        Valeu, Henrique! Aguardando o review.

  • Saulo Benigno

    Sério, que sisteminha feio. Só tem texto. Não tem um detalhe separando as opções, tem nada, zero.

    • rubens

      Essa é a graça.
      Por que fazer outra cópia do que já existe?

    • Leandro

      Deveria usar um pra ver como é. Eu tenho um HD7 e o estou esperando chegar o meu Ultimate(Titan lá fora). Não vejo a hora.
      O sistema é leve, simples e bonito. Cheio de animação. Claro, falta algumas coisas que tem para os americanos, mas ainda assim não volto mais pro iPhone e eu já tive 3. Nada contra, mas o WP7 é mais oque estou acostumado, social, xbox, Windows, microsoft. O esquema do social integrado no sistema é muito bom.

  • Genilson

    Essa HTC é uma empresa bem furreca. Acho que a M$ tá pagando uma boa grana pra ela lançar esse fone aí. Olha nas configurações o tamanho da letra. Ridículo.

  • Gostei da cara dele.
    Essas lajotas permitem uma grande customização da tela inicial.

    Henrique,
    qdo conseguir um pra testar, tenta verificar:
    – a conectividade com o XBox. e Win7
    – Como é feito a ativação
    – precisa de sincronismo
    – programas nativos (twiteer, Facebook, Office mobile, internet, mapas, etc)
    – video roda tudo (nem exijo rmvb, mas avi, divx, mp4 e mkv são essenciais)

    E que tela grande, pela que a resolução perdeu espaço pra tela HD do Razr.

    • rubens

      Resolução é uma das especificações fixas do WP7.
      A outra é SoC Qualcomm (que geralmente já inclui o baseband).

    • Cara, mkv (como tudo da Microsoft) ele não roda! Talvez tenham alguns esquemas. Espero mesmo que tenha.

  • beagle

    EU prefiro ANDROID. Cada um prefere um, isso se chama gosto pessoal! Hehe

  • Pingback: Smartphone com Windows Phone marca retorno da HTC ao País - HTC VERIZON – HTC VERIZON()

  • edivaldo_ma

    Quando olho essa interface de blocos da WP7, só me faço uma pergunta: que copiou de quem? a microsoft do produtor do Flipboard ou o produtor do Flipboard da microsoft ?

  • Webston Carlos

    A HTC tem tudo para se firmar como a plataforma do Wm, o pois ela a HTC foi pioneira em quase todas as plataformas móveis, ela v em fazendo um belo trabalho com o Android com atualizações constantes de software de para em qualidade em seus produtos, e serviços, essa sim tem compromisso com seus clientes até hoje ela nunca deixou os seus clientes com Android na mão, vou comprar e testar esse aparelho com WM7 da HTC.

  • Webston Carlos

    Uma empresa como a HTC que foi pioneira na plataforma móvel Wm, agora vem novamente no Brasil com o lançamento do WM7, o eu acredito realmente na HTC pois ela vem fazendo um brilhante trabalho com o Android, sempre atualizando seus aparelhos e com respeito ao seus consumidores eu acredito que a HTC tem uma política diferenciada dessas empresas concorrentes que atuam no Brasil como a Motolixo, e outras que para ter uma simples atualização de software é preciso protestar nos meios de comunicação para obter seus diretos aff, com a HTC é o inverso vou comprar e testar o aparelho pois vindo da HTC vem coisa boa por aí.

  • Acho incrível esses comentários sobre a interface do WP7, o conceito é totalmente diferente do iOS, por esse motivo nem tem o que ser comparado. A interface Metro foca mais no conteúdo do que no design dos apps em si. Se no iOS/Android estamos acostumados a olhar ícones brilhantes e outros elementos visuais, no WP7 é o conteúdo do smartphone que ganha destaque. Engraçado ver comentários do tipo "olha o tamanho dessa fonte", provavelmente se assustam achando que é uma grande perda de espaço da tela. São outros conceitos galera, assim como o iOS tem sua linguagem visual (que é excelente) o WP7 também tem a sua, e o melhor, é algo totalmente novo.

    • rubens

      Mais ou menos o que os fanáticos pela linha de comando falaram das primeiras GUIs.
      "Pra que mudar"
      "Olha isso"
      "Que coisa boba, feia e gorda"
      etc

    • Leandro

      Só quem usa um celular com WP7 sabe o quanto prático ele é, SO tem que ser leve e prático e isso o WP7 é. Concordo plenamente com você.

  • rubens

    Henrique,
    Nem tocaram no assunto de quando vão flexibilizar a plataforma né?
    (o chefão do WP tocou no assunto, só que ao melhor estilo malluffe :p)

  • Allyson

    Euu kroooo

  • Allyson

    O windows Phone tem futuro só precisa ter umas melhoras visualmente a unica coisa q axo feio é as live tiles axo q a nokia tinha q ajudar a dar uma ajeitada nele!!!

  • raonipr

    Vulgo Defy de Itú

  • Marcus Vinícius

    Adorei o aparelho, mas estou com receio de que por ser Win, trave ou traga alguns transtornos de vírus etc… Em relação aos Apple, o custo benefício do HTC compensa, itens muito bonitos e brilhantes, como em qualquer computador, desgasta mais o desemplenho do mesmo. Este aparenta ser rápido, e considerado bom, pelo que vejo nos demais fóruns. Mas ele não entrará na linha dos TOPS, acredito que estará na linha dos médios, devido a estética mesmo. Os olhos compram tudo. Mas será que o HTC trav amesmo e o áudio de vídeo dele realmente são ruins? Obrigado.

  • Pingback: Preview: Windows Phone 7.5 “Mango”()

  • Pingback: Review: HTC Ultimate com Windows Phone 7.5 “Mango”()

  • Pingback: Nokia Lumia 800 (e Windows Phone): o que falta?()