ZTOP

Hands-on: FaceLock para Symbian Anna (beta)

Vem da turma do INDT (Instituto Nokia de Tecnologia) o FaceLock, aplicativo para Symbian que parte do conceito de que seu rosto é a sua senha. Funciona? Sim, mas nem sempre.

Vale lembrar que a ideia, demonstrada pela primeira vez (pelo menos pra mim) em julho deste ano, veio antes do reconhecimento facial do Android 4.0 Ice Cream Sandwich. E, como já vimos nas demos do software para Android, os problemas são um tanto parecidos – talvez por imaturidade da tecnologia ainda.

O funcionamento do FaceLock é simples: basta ativar o app no seu Nokia com Symbian (Anna ou Belle) no menu de aplicativos. O programa abre uma tela como essa aqui para ler seu rosto com a câmera frontal.

Daí você pode escanear de novo ou travar o dispositivo. Vai fazer suas coisas e, quando pegar o telefone de novo, precisa alinhar o rosto à janelinha para desbloquear (ou digitar uma senha).

 

Se tudo der certo, o aplicativo é desbloqueado e você usa seu telefone. Se não funcionar, precisa destravar usando uma senha e, se esquecer a senha, desligar o telefone e ligar de novo (o que vai contra a lógica de usar uma senha, certo?)

O conceito da tecnologia do FaceLock é bastante interessante, mas tem essa margem de erro (beta! beta! beta!): depende muito da configuração da luz do ambiente e do ângulo que você posiciona a câmera para escanear a face. Dependendo do contexto, o aparelho continua travado.

O aplicativo, no meu ponto de vista, parece entender mais as formas ao redor de um objeto para travar o aparelho – tirei uma foto do meu rosto com um iPhone, botei na frente do FaceLock e ele “entendeu” que ali – mesmo na frente de uma tela semi-escura, tinha um rosto. E travou e destravou o dispositivo (não testei com felinos).

Se você tem um aparelho com Symbian Anna (como um N8 ou E7 atualizados), pode baixar o FaceLock na Nokia Store – e lembre que é um software beta (por isso, crie uma senha fácil de lembrar pra não ter que reiniciar o aparelho).

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin

  • Daniel Rocha

    Vale dizer que a ideia (odeio escrever ideia sem acento) do Facelock foi dada por um consumidor e implementada na Hackathon do Nokia World em 2010. Demorou um pouco para produtizar, mas o fato é que apareceu no Ice Cream Sandwich do Android – strange strange }-).

  • ótimo, vou testar aqui…

    mas depois de tirar a barba. 😀