ZTOP

Hands-on: Geeksphone Keon (Firefox OS Developer Edition)

geeksphone keon - 1

Keon é o nome do smartphone básico rodando Firefox OS que a Geeksphone e a Telefônica/Vivo estão distribuindo a alguns desenvolvedores de aplicativos durante a Campus Party 2013.

Ontem à tarde tive um tempo para ver o Keon de perto e, bem, é só uma pequena evolução em relação ao que vi com o mesmo sistema no ano passado – só muda o hardware mesmo. Novidades? Bem, o sistema continua atrasado, mas o Brasil continua como primeiro mercado a ter aparelhos à venda no segundo semestre.

O aparelho, que não será vendido para o consumidor final (a Geeksphone é de Madrid, na Espanha, mesma terra da Telefônica/Vivo), mostra a que veio: é para teste de aplicativos apenas, não para uso geral. Sim, precisa melhorar, por isso ainda está em desenvolvimento.

geeksphone keon - 2

Vai ter gente por aí reclamando que é lento, que a tela não é tudo isso, mas esquecem que é um aparelho de testes, não-comercial, para um nicho específico que precisa avaliar apps HTML5 no próprio aparelho. Isso é bom, por sinal: quanto mais gente desenvolver em HTML5, base do Firefox OS, melhor para a plataforma aberta.

geeksphone keon - 3

Aparelhos comerciais com o sistema operacional, porém, estão um pouco fora da previsão inicial: a Mozilla, desenvolvedora do Firefox, e a Telefônica prometeram smartphones básicos para o final de 2012 ou começo de 2013, mas agora a nova meta é o segundo semestre do ano, provavelmente julho.

geeksphone keon - 4

Vale lembrar que a própria Telefônica já posicionou o Firefox como um sistema operacional de entrada, que “terão preços de featurephone“. Nas entrelinhas, será um OS de massa para aparelhos básicos e de entrada e, apesar de ser um sistema baseado em código aberto, terá um maior controle da operadora. Quem você acha que banca a farta distribuição de Keons pela Campus Party?

Entre os fabricantes, apenas a ZTE já disse que um dos seus anúncios durante o Mobile World Congress, no final de fevereiro, será o ZTE Mozilla (a conferir em Barcelona). A Alcatel One também já anunciou que deve lançar algo, e outras operadoras pelo mundo (Telecom Italia, Etisalat, Sprint, Deutsche Telekom e por aí vai) também deram apoio à iniciativa.

Hilton Mendes, diretor de desenvolvimento de terminais da Vivo, diz que vê dois potenciais perfis de clientes interessados no Firefox OS: “aqueles que dão valor a plataformas abertas e aqueles que querem um aparelho que caiba no seu orçamento, com custo adequado e que tenha os melhores aplicativos”. Nada de preço ainda (e o que tem por aí é previsão chutada).

geeksphone keon - 5

Voltando ao Keon: ele tem uma tela sensível ao toque de 3,5″, 4 GB de armazenamento interno (expansível até 32 GB com cartões microSD), câmera de 3 megapixels, suporte a 2G e 3G e processador Qualcomm de 1 GHz.

A bateria, de 1580 mAH, aguenta até “48 horas de uso intensivo”, segundo Rodrigo Silva-Ramos, CEO da Geeksphone. É uma afirmação curiosa e polêmica, já que a maioria dos smartphones atuais com baterias de capacidade similar não chegam a 12 horas de uso – depende também do que a Geeksphone define como “intensivo”, que pode ser diferente da minha experiência pessoal.

geeksphone keon - 6

E seu design é bem interessante: lembra um iPhone original com uma capa laranja-Firefox ;). Mais na Geeksphone, já com site em português.

Mais fotos na galeria abaixo (clique para ampliar e abrir o slideshow grande):

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin