ZTOP

Gadget do dia (parte 2): Wind NetOn AP1900

msi_ap1900

Revelado na última CES, a MSI anuncia hoje o lançamento mundial do Wind NetOn AP1900, um desktop do tipo “tudo-em-um” com a CPU montada na parte de trás de seu monitor LCD wide de 19″ e baseada no processador Intel Atom N270 de 1,6 GHz.

Sob um certo ponto de vista, o Wind NetOn AP1900 seria uma variação dos chamados Nettop — mini-desktops baseados na plataforma Atom — e já vem equipado com  1 GB de SDRAM DDR2 533 (expansível até 2 GB), aceleradora gráfica Intel GMA 950, disco rígido de 160 GB, quatro portas USB, microfone estéreo embutido, porta de rede Gigabit Ethernet e Wi-Fi b/g e Webcam de 1,3 MP e gravador de DVD e Windows XP Home. Ele mede aproximadamente 55 x 42 x 3,5 cm (LxAxP) e 4,75 kg de peso.

Uma visão mais detalhada do produto pode ser encontrada aqui.

Segundo a MSI no Brasil, o produto deve chegar ao país ainda na metade deste ano. Quando perguntado se ele viria com a marca MSI ou de um parceiro local, a resposta é que isso dependerá de negociações mas o desejo é que o produto chegasse por aqui com a marca da MSI, o que ajudaria a fortalecer e consolidar a marca no mercado. O preço por aqui — se Deus quiser e a crise permitir — deve ficar na faixa dos R$ 2.000.

Se chegar na data prevista o NetOn AP1900 já pode dar de cara com um concorrente à altura: a ASUS, que já anunciou para breve por aqui da sua própria solução tudo-em-um: o eee TOP, também baseado no Atom N270.

Pelo visto, nosso mercado está bem animado em 2009.

Ah sim, o AP1900 também terá opção de gabinete branco:

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.

  • PMarc

    É… parece que aquelas pessoas que achavam que o monitor _era_ o computador conseguiram alguma atenćão dos engenheiros de produto…..

    []s

  • Anderson

    Se não aparecer um player interessado no produto, a MSI não vai colocar a mão no bolso e “bancar a brincadeira” no Brasil. O mantra eles é “se houver demanda, nós teremos no Brasil”, que na realidade é “se alguém quiser importar, o produto será disponibilizado no país”. E esse “alguém” não é apenas um grupo de consumidores finais, mas sim o player.

    Eu sinceramente duvido que a MSI Brasil banque essa brincadeira sozinha, por mais demanda que tenha.

  • Thomas Fagundes

    Que tipo de consumidor é o alvo dessa brincadeira? Porque SE chegar a ATÉ 2mil, tem notebook até com core2duo nesse preço. Pagar 2mil pra um Atom DE MESA…. Piada maior que isso foi só o “laptop” de $10 da índia hahahahha :p