ZTOP

Blog novo na área: ZTOP Casa

ztopcasa

Faz um tempo que nós, editores do ZTOP, estamos gestando este projeto novo, a Casa ZTOP (se preferir, atendemos também como ZTOP Casa).

Conhecemos muito bem o mercado de tecnologia pessoal – computadores, telefones, notebooks, tablets, internet em geral -, e desde o ano passado, estamos dando nossos primeiros passos no mundo da tecnologia para a casa, pensando no hoje e no futuro.

E o que, na nossa visão, entra em “tecnologias para casa”? Simples: TVs conectadas, aparelhos de som, home appliances bacanas (incluindo geladeiras, lavadoras/secadoras, fogões e por aí vai) e itens que achamos interessantes e, claro, ligados ao tema “casa”.

Nessa primeira fase, estreamos com conteúdo importado do nosso blog-pai ZTOP, e, aos poucos, vamos corrigindo problemas e subindo novidades. Sugestões são muito bem-vindas nos comentários.

Aproveitem e sigam a gente no Twitter e curtam nossa página no Facebook! E sejam bem-vindos ao Casa ZTOP!

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin

  • Ligeirinho

    Há um preconceito de muitos, que falam que "Blog de tecnologia não pode falar de coisas sobre casas, sobre cozinhas, sobre lavanderias". Creio que o ZTOP casa pode tirar um pouco disso. Afinal, tecnologia está em tudo. Bem vindo! :)

  • http://pdabr.com dflopes

    Vai ter video -review dos aparelhos?

    E vão passar debaixo da mesa na hora de provar as receitas?! XD

    Ok, brincadeiras sem graça a parte, acho legal que as tecnologias pudessem conversar entre elas pra ser mais facil o controle remoto.

    Os projetos atuais são caros pois usam protocolos dedicados – e qdo se coloca o iPad pra gerencia a casa, os fabricantes torcem o nariz pois não poderão mais vender seus controles remotos carrissimos.

    Eu consegui fazer – na casa de minha irmã – um sistema de vigilância com duas cameras IP (by deal extreme) e usando dynDNS – mas foi um parto de tão dificil e complicado!!!

    Falta colocar bateria de carro pra segurar o sistema durante uma queda de energia (já que o modem 3G está ligado direto ao roteador).

    Gastamos 450,00 nesse auto-projeto (faltando o inversor de corrente e bateria) , enquanto uma empresa nos cobrou $2k… o.0