ZTOP

BlackBerry Playbook chega em junho (mas não ao Brasil)

O pessoal da BlackBerry disse hoje que lança o tablet PlayBook em junho na América Latina (Brasil não está na primeira fase de lançamento), cumprindo o prazo prometido no anúncio feito no longínquo setembro de 2010.

Pelos reviews lá fora, a situação da BlackBerry não é muito animadora. O PlayBook, apesar do hardware elogiado, ainda apresenta falhas. Já mexi no bicho durante a CES, em janeiro, e o fato de ter apenas me empolgado com a ausência de botões, numa interface elegante e um tanto inovadora, me fez repensar antes de escrever sobre o gadget.

Eu, particularmente, vejo que a BlackBerry precisa achar o nicho certo pro seu tablet. A Cisco e a Avaya, por exemplo, têm tablets ultracorporativos (e que fogem total do “mainstream” do iPad, por exemplo) que encontraram seu lugar dentro das empresas. O PlayBook, me parece, oscila entre a sisudez corporativa dos smartphones da marca e um lado pop-divertido-consumidor-final adolescente.

México, Venezuela e Colômbia serão os primeiros a receber o tablet. “Outros países” entram numa segunda fase, diz o comunicado oficial da BlackBerry. Espero que, como seus tablets-primos com Android 3.0, a oferta de software aumente em um futuro próximo.

Ah, sim, nada de preço ainda.

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin